Páginas

terça-feira, 26 de março de 2013

Espírito Santo, para quê?


jejum de daniel
Quantas não são as pessoas que desejam ardentemente receber o batismo com o Espírito Santo, e na maioria das vezes quelas que querem tanto receber, nunca recebem, mas por quê? Primeiro,o que é o Espírito Santo? Ora, nada mais é que o próprio Deus habitando dentro de nós, no livro de João podemos encontrar com bastante clareza. Para entender melhor, vamos verificar o que diz no livro de João no versículo primeiro e no décimo do primeiro capítulo.
“No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. [...] O Verbo estava no mundo, o mundo foi feito por intermédio dele, mas o mundo não o conheceu.”
João estava se referindo aqui do Senhor Jesus, no início o verbo estava com Deus e era Deus, sabemos que um dos significados do verbo é uma ação, ou o que exprime uma ação no sentido morfológico, o mundo foi criado através do verbo “Haja luz, e houve luz… haja isso, haja aquilo”. Mas o mundo não o conheceu, por isso Deus teve que se manifestar na terra.
“E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai” – (João 1.14)
Aqui João continua se referindo do Senhor Jesus, mas só que agora o verbo (Jesus) se fez carne habitando entre nós, antes de Jesus descer à terra, a humanidade tinha os sacerdotes e os profetas para chegarem até Deus, Deus falava com as pessoas através deles e em alguns casos o próprio Deus falava, como no exemplo de Samuel, Abraão e os patriarcas, só que depois o próprio Deus desceu como filho, para isso o Espírito de Deus teve que se apossar, da até então, virgem Maria e conceber o Senhor Jesus dentro do ventre dela, mas por que Jesus não nasceu naturalmente através do relacionamento de Maria e José?
O ser humano está fadado a Nascer, Crescer e Morrer, é a lei natural e se Jesus tivesse que seguir essa lei, então o propósito dele não seria concluído, que era de morrer e ressuscitar, Jesus foi o segundo Adão, o primeiro foi criado por Deus, mas depois que morreu não ressuscitou mais, com Jesus deveria ser diferente. Depois da encarnação do verbo, Jesus foi aos céus e prometeu que deixaria o consolador para nós.
 “E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco.” (João 14.16)
Primeiro o Deus Pai (verbo) depois o Deus Filho (encarnação do verbo) e por último o Deus Espírito Santo (Consolador).
Todo o tempo Deus sempre se preocupou em dar assistências para aqueles que os entregaram suas vidas, aí é onde eu quero chegar no título da mensagem que talvez vocês esteja até nem entendendo o porque do título, mas o Espírito Santo, é a última manifestação de Deus no ser humano, por isso que Ele é o Penhor da Salvação, porque depois dele não haverá mais nada, Deus se manifestou para os patriarcas e profetas, depois ele veio como homem e hoje temos acesso a ele através do Seu Espírito Santo, a finalidade de Deus não é que tenhamos o Espírito Santo por um tempo, e sim para sempre, mas por que muitos não conseguem receber? Por que estão em pecado? Falta alguma coisa? Será por que a pessoa não crê? Não é digna? Quando uma pessoa vem me perguntar porque ela não recebe o batismo, eu descarto todas essas hipóteses, e pergunto logo: “Mas ter o Espírito Santo pra quê?” ali eu identifico a raiz na hora. veja esses versículos abaixo do livro de João:
14.26   “mas o Consolador, o Espírito Santo, a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito.”
15.26   “Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim;”
Quando eu pergunto o por que elas quererem o Espírito Santos, eu ouço: Porque eu quero servir a Deus, porque eu quero ser obreira (o), quero falar em outras línguas, por que eu preciso ter o Espírito Santo. Acredite, muitos até nem sabem porque precisam e querem receber, primeiro que Deus nunca vai derramar o Espírito dele para aqueles que não estão dispostos a cumprir a vontade principal de Deus que é ser testemunha dEle, aqueles que estão cansados de pertencer ao mundo das trevas e querem realmente pertencer a Deus, se você quer o Espírito Santo interessado nos benefícios que Ele pode dar, esqueça, você nunca vai receber, foi assim comigo, eu queria receber o Espírito Santo porque eu entendi que se eu não tivesse eu não poderia ser obreiro, e eu estava errado, não podia querer ter o Espírito Santo porque eu tinha o desejo de ser obreiro, mesmo sem saber se essa era a vontade de Deus para mim, foi então que eu entendi que se eu continuasse a ter o mesmo coração velho, eu jamais receberia um vinho novo, e foi naquela quarta feira, que eu realmente decidi a quebrar o meu velho coração e receber um coração novo, Deus não só me deu um novo coração, como me encheu com um vinho novo!
Não desperdice esse jejum de Daniel, talvez você fez esse jejum desde o primeiro e nada aconteceu, mas se a partir de agora você rever seus conceitos e intenções e mudá-las, eu garanto para você que hoje mesmo, até agora mesmo, você pode ser cheio do Espírito Santo.
Na fé.
Pr. Gustavo