Páginas

quarta-feira, 19 de junho de 2013

É preciso estar só



"Tenho meditado continuamente em tudo que tenho lido e ouvido nos últimos dias. E me ative muito na perspectiva de que Jacó ficou só com Deus, e fiquei desejando ardentemente que não fossem só meditações, mas que esses pensamentos se tornassem atitudes de fé e coragem. Ficou só, imagine, ele ficou só porque ele tinha uma situação mal resolvida, ele ficou só porque ele sabia que tinha usado de dolo com Esaú, ele sabia que tinha errado. Na ocasião que ele fez aliança com Deus, Deus lhe fez promessas, mas mesmo assim ele sabia que tinha coisas a resolver. 

Quando Jacó transpassou o Vau de Jaboque, ele tinha tudo que um homem queria, ele era próspero, feliz, tinha filhos e esposas e com ele tinha dois bandos. Mas Sim, ele sabia que tinha uma pendência a ser resolvida que foi sanada de uma vez por todas quando ele lutou com Deus, e creio que ali ele lutou também consigo mesmo, com seus medos, o medo de morrer pela espada de Esaú, ele estava desesperado, mas lutou e creio eu que nesta luta ele também se arrependeu e se humilhou, ficou só. 

Ontem eu fiz isso, fiquei só e já tinha quase me esquecido como é bom estar em "solidão", aproveitar a solidão ou até mesmo forçar a solidão para ouvir a voz de Deus. O Espírito Santo me levou pela fé ao altar, de todos os sacrifícios que fiz até hoje, recordei metodicamente de cada um. Pensei nos pedidos que fiz, nas consequências que suportei, me lembrei inclusive que raras vezes em uma Fogueira Santa pedi para conquistar bens materiais, pensei no que havia pedido e porquê. 

E percebi que a cada sacrifício, cada vez que realmente fiquei na dependência de Deus, tive experiências extraordinárias, e a cada experiência meu laço estreitou com o Senhor Jesus, se estreitou mais ainda e foi isso que o sacrifício se tornou para mim, uma forma de crescer na minha intimidade com Deus. Quando você tem intimidade com alguém, você entende a vontade do outro. Ouve sua voz, é isso que o sacrifício é para mim, é o desenvolvimento da minha salvação, mas sinceramente, sempre que estou aos pés do altar do sacrifício, o medo vem, a insegurança vem, mas a certeza também vem. E é Nela que precisamos focar. 

Fique com Jesus, Deus continue abençoando."
Colaborou:


Theani Inácio

Nenhum comentário: