Páginas

domingo, 9 de outubro de 2011

Vale a pena?


Quero fazer valer tua Palavra em mim, para que o mundo saiba que tu és Senhor.
Todos nós quando fazemos uma escolha, essa vem seguida de uma renúncia, isso não é novidade a ninguém, eu por exemplo, faz um ano e meio que estou na obra como pastor, se hoje estou aqui, foi porque tive que abrir mão da minha vida pessoal, dos meus planos, entrei jovem, mas abandonei mãe, pai, irmãos, trabalho, estudos, os amigos, as pessoas que amo, a garota que amava. Não foi nada fácil para mim, principalmente quando eu tive que abrir mão dos meus estudos, era algo que eu amava, abri mão da escola que lutei para entrar, não era qualquer escola, era uma das mais caras e melhores da cidade, abri mão de cursar Comércio Exterior em uma Universidade Federal no Rio Grande do Sul, tive que abandonar a ideia de concluir o meu curso de inglês, o qual eu já cursava dois anos, abandonar a ideia de trabalhar no Banco do Brasil como concursado, foi difícil, mas escolhi, só que nunca alguém me perguntou se valeu a pena, então você me pergunta: “Mas e aí Gustavo, valeu a pena?” Se valeu? deixa eu contar algo a vocês.
A escolha de abandonar tudo e se entregar ao altar por si só não vale a pena sabia? Pois é se alguém me pergunta se vale eu respondo: “Olha se vale a pena, não sei, mas para mim eu faço valer todos os dias.” Eu não posso te dizer se vale ou não a pena você largar tudo, vai depender muito de você, pra mim deu certo, você deve ter muito amor às almas, porque uma coisa é você amar quem te trata bem, outra coisa é você amar alguém que te chama de ladrão, de safado, bandido. E eu te faço uma pergunta: “Você tem bons olhos?” Se a resposta é sim, então cuide bem deles, pois é o essencial, se você não tiver bons olhos, infelizmente não vai durar e é aí que entra se valeu ou não a pena, você só gastou e perdeu tempo ao invés de você estar batalhando, prosperando, e quando muitos anos se passam então… olha é terrível, a Igreja nunca me prometeu nada, nunca me garantiu nada e a ninguém, depois que a pessoa sai, ela fica ali, sem garantia de mais nada, todos aqueles anos na obra não vai servir de experiência profissional em uma empresa, e ela vai ter que engolir em seco quando as pessoas disserem: “E agora o que a Igreja fez por você todos esses anos?” então meu amigo se você não faz valer a pena, infelizmente você vai cansar uma hora.
E digo mais, quando você vê tudo dando certo você diz que valeu a pena, aí é muito fácil, mas quero ver você fazer valer a pena a sua escolha quando você estiver sozinho, sem dinheiro, acontecer de você ter apenas R$ 2,00 para passar a semana toda, e comprar um pacote de milho de pipoca e comer todos os dias um tanto e contar com um bom coração de um membro para te trazer algo, e o diabo vai fazer você lembrar que antes dinheiro ou comida nunca te faltou, quero ver você fazer valer a pena quando sob um sol de 40 graus no verão você estiver evangelizando em um sábado e você receber ligação de seus pais e eles dizerem que estão na casa de praia todos curtindo o verão viajando e o diabo fizer você lembrar que você nunca faltava nenhum ano, quero ver você fazer valer a pena quando você tiver que sozinho lavar a sua roupa em um tanque minúsculo, secar sua roupa em uma área que nem pega vento direito, saber passar bem a sua roupa e ainda estar bem apresentado para receber o povo e o diabo fizer você lembrar que você nunca chegava nem perto da área de serviço da sua casa, quero ver você fazer valer a pena quando você vir as fotos de seus amigos que estudavam com você todos se formando, casando, abrindo empresas “se divertindo” e você não poder ter tido nem a chance de ingressar em uma boa Universidade.
Essas coisas aconteceram comigo, e nunca desanimei por causa de nenhuma delas, pois eu tenho a cada dia procurado fazer valer a pena a escolha que eu decidi, portanto meu amigo (a) pense bem se você quer realmente fazer a obra no altar, não vale a pena você largar tudo e ficar 10, 20, 30 anos e depois sair, se você não fizer valer a pena, não adianta nada. Depende exclusivamente de você.
Na fé…

sábado, 1 de outubro de 2011

Como Jacó creu, lutou, mas não se preocupou.



Nós podemos encontrar na Bíblia o exemplo de Jacó, que por 14 anos trabalhou por Raquel, pois muito a amava, ele poderia ter aceitado a escolha de Labão oferecendo-lhe Lia, a filha mais velha, por que não? Não é assim que vemos o que muito acontece hoje em dia na obra? Aí vai a minha sinceridade, acho extremamente errado o que as pessoas fazem, querendo ser “cupidos” eu não aceito proposta de ninguém, acho que em Gênesis fica claro que devemos lutar pela pessoa certa, e não sair se conformando e aceitando o que todo mundo propõe, Jacó não olhou para o tempo que levaria para ter Raquel, Não se preocupou porque teria que trabalhar mais sete anos, mas não deixou de lutar.
Lutar é uma coisa completamente diferente de se preocupar, pois quando eu creio que a minha vida está nas mãos de Deus, então eu confio que Deus tem o controle de tudo, não me preocupo o tempo que vai levar, apenas creio que Deus se encarregará de cumprir o que Ele mesmo colocou dentro de mim.
Se a pessoa ouve a voz de Deus e não deixa se levar às emoções, ela vai sempre saber qual será a boa, perfeita e agradável vontade de Deus, não há como se enganar pois o que prevalece é a vontade de Deus. A vida sentimental é a área em que mais eu vejo obreiros, pastores caírem, não propriamente dito em pecado, mas porque desanimaram, porque pensaram que seria mais fácil talvez, o primeiro “não” já foi o suficiente para desanimar, deixar de lutar, eu te digo, se Jacó se conformasse com a proposta de Labão, não teria quem realmente ama, do que adiantaria? Casar-se com alguém, dizer que está feliz, mas lá dentro queria que fosse a outra? Mas lembre-se que digo isso quando a pessoa ouve a voz de Deus, é claro que se a pessoa não quer que a vontade de  Deus prevaleça, sempre vai ser assim, porque nem sempre , ou quase sempre a nossa vontade não é a de Deus.
Você deve lutar sim pela sua vida sentimental, o que você não deve é se preocupar até chegar ao ponto de passar ouvir e aceitar as propostas do diabo, pois ele sabe o que precisamos, ele vê quando a gente ora, ele sabe o que a gente quer, por isso ele tem o mundo inteiro a seu favor, justamente para tentar ofuscar nossos objetivos e sonhos. Não vá na conversa de ninguém, eu não vou! já recebi sugestões de pessoas que eu “deveria” dar ouvidos, “tentar” que desse certo, mas não sigo nenhuma, se eu não souber o que eu quero, o que vai valer? Do que será válida toda essa minha crença?
Assim serviu Jacó sete anos por Raquel; e estes lhe pareceram como poucos dias, pelo muito que a amava. 
(Gênesis 29:20)


Quem vive em mim 

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Catástrofe em Santa Catarina

"Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado para, quem será?" - Lucas 12:20

Essa semana que passou Santa Catrina sofreu, e ainda está sofrendo, com as enchentes que aconteceram, principalmente no alto e médio Vale do Itajaí, como alguns já sabem, estou há dois meses em Rio do Sul - SC, e nessa quinta-feira 08/09/2011 que começou o caos, o Rio Itajaí-Açú subiu 13 metros acima do seu nível, Rio do Sul foi a cidade que mais foi atingida, mais que Blumenau, até por ser uma cidade pequena, 90% da cidade ficou submersa, muitas pessoas, ou quase todas, perderam móveis, casas, carros, os lojistas que não acreditaram na intensidade da enchente que foi prevista, perderam suas mercadorias, nunca vi algo do tipo em toda a minha vida, o último registro de enchente na cidade foi há quase trinta anos atrás.
O terror, vamos chamar assim, começou na quinta-feira, durmo na Igreja, mas dessa vez tive que passar esses quatro dias dormindo na casa do pastor, na sexta-feira a cidade já estava tomada pelas águas do rio, a imagem que tive ao acordar pela janela do apartamento do terceiro andar foi essa, não se viam as casas, o barulho da correnteza era assustador, de manhã soubemos que um supermercado do centro da cidade não havia sido atingido, fomos até lá por um caminho alto, era impressionante ver as pessoas desesperadas, o mercado estava lotado, pessoas querendo comprar alimentos para armazenar durante esses dias até a água abaixar (hoje o dia que escrevo, segunda-feira ainda não baixou a água em muitos bairros, inclusive no centro) e pessoas chorando dizendo que perdeu tudo, pessoas ainda desaparecidas, pessoas que morreram, a cena era horrível.
Mas sabe que isso tudo, esses acontecimentos todo me fizeram analisar. Todas essas pessoas tiveram perdas materiais e estavam assim, em pânico, mas e quando for o arrebatamento? Perdas materiais são calculáveis, mas e a perda da salvação é incalculável, tive uma pequena noção de como será o arrebatamento para aqueles que ficarem, e o curioso é que eu estava pensando comigo mesmo e até comentando com o pastor e sua esposa, que quando alguém sacrifica tudo, vende seus móveis, carro, salário, dá tudo que ela tem, ela tem, ela não se desespera, pois que tem a plena convicção que Deus restituirá até mais que o dobro que ela sacrificou, e as pessoas que perderam tudo, ficaram semelhante humanamente falando às outras que sacrificaram para Deus, sem salário, sem carro, sem móveis, mas não têm garantia de que será restituído.
O que mais me revoltava era ouvir as pessoas falarem umas às outras: "Ah fulana, nessa vida a gente não leva nada mesmo, o importante é estar vivo, o resto a gente recupera com o tempo." Quer dizer que agora bens materiais não valem nada? e na hora de sacrificar pra Deus abençoar/transformar a vida dela é algo que não pode ser feito! 
Mas como Todas as Coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, agora é hora do povo de Deus tomar posse das coisas, estava falando com uma obreira que trabalha com massagens, ela perdeu as máquinas, mas no mesmo dia já ganhou novas, Deus trabalha assim, e acabamos de sair de uma recente campanha de Israel da Revolta!
Continuo orando pelo povo de Rio do Sul, creio que em meio a essa catástrofe, Deus tem preparado algo que olhos não viram, nem ouvidos jamais ouviram para seu povo.
Na fé...
Pr. Gustavo

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

O prêmio da soberana vocação.



"Prossigo para conquistar aquilo que para o que também fui conquistado por Cristo Jesus." (Filipenses 3:12)
A finalidade de Jesus quando nos chamou foi para que nós alcancemos esse prêmio, Ele não nos chamou em vão, mas que prêmio é esse? Lembra quado Jesus chamou os discípulos e os ensinou acerca de como eles deveriam fazer para ganhar almas? e no final disse que teriam recompensas, também pudera né? ele instruiu, admoestou, estimulou, falou das dificuldades e por fim falou das recompensas, agora quero que você identifique-as!
"Quem vos recebe a mim me recebe; e quem me recebe recebe aquele que me enviou. Quem recebe um profeta, no caráter de um profeta, receberá o galardão de profeta; quem recebe um justo, receberá o galardão de justo. E quem der a beber, ainda que seja um copo de água fria, a um destes pequeninos, por ser este meu discípulo, em verdade vos digo que de modo algum perderá o seu galardão." (Mateus 10:40-42)
Será que eu me enganei? Mas cadê as recompensas? Onde ele diz que viveremos fartamente por pregar à sua santa palavra? que seremos respeitados por todas as pessoas por sermos uma autoridade espiritual? Você pôde identificar algum prêmio para quem decide servi-lo?  Se você estiver esperando recompensas aqui na terra, pois então aconselho a desistir de servir o Senhor Jesus, pois mesmo na parte que teríamos que ser prestigiados de alguma forma, Jesus visa às almas, mas tem algo muito forte, que talvez você leu e passou desapercebido: "Quem vos recebe a mim me recebe;"  em outras palavras Jesus disse: "QUEM RECEBER VOCÊS ESTARÃO ME RECEBENDO!" Eu acho incrível esse versículo, quem somos nós para ser comparados com o Senhor Jesus? que honra!
Jesus não prometeu recompensas aqui na terra, aliás se você não sabia o significado da palavra "galardão", segundo  dicionário da Língua Portuguesa, significa "prêmio, recompensa" mas na Bíblia Jesus fala Recompensa, mas também fala Galardão, que é a recompensa que vem do Reino dos Céus, que aliás aqui na terra não tem nenhuma utilidade, nossa recompensa maior não está aqui nesse mundo. Lembro-me de um ocorrido que me fez entender isso melhor, quando eu auxiliava o pastor do Força Jovem ainda como obreiro, a gente tinha recebido uma direção de São Paulo para fazer um propósito com todos os jovens do Brasil, e eu fui tentar adiantar as coisas para o pastor diminuir a preocupação, e ao invés de ser retribuído, levei uma das minhas maiores broncas de um pastor, ouvi coisas que naquela hora pareciam injustas, fiquei taxado de "sem temor" e eu só olhava para os obreiros que ali estava presentes e nada falava olhando para o pastor que chamava a minha ateção, não me importei, pois como aprendi com ele mesmo, o fogo purifica quem é ouro, mas quem é palha se queima e some com as cinzas, logo depois de ouvir tudo aquilo um jovem viu e escutou o que tinha acontecido, então ele veio me procurar e perguntar por que eu não tinha falado nada se eu não tinha culpa daquilo ter acontecido, então eu simplesmente falei: "Eu nunca vou esperar reconhecimentos ou elogios do meu pastor, se você quer mesmo ser obreiro e fazer a obra esteja preparado para tudo, ouvimos calados, pois somos servos, apenas obedecemos, seremos reconhecidos quando estivermos com o Senhor Jesus." Hoje esse jovem é um pastor!
Muitas pessoas acham que foram abençoadas, curadas porque mereceram ou confundem essas bênçãos com galardão, coitadas, mal sabem elas que foram curadas porque Jesus há mais de dois mil anos já havia levado todas as enfermidades da terra, foram abençoadas, porque tudo conquistamos pela fé, acho até um insulto confundir bênçãos com Galardão...
Prêmio da Soberana Vocação, muito forte, mas só tem quem corre atrás!
Na fé...
Pr. Gustavo (via Quem Vive em Mim )

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Se enlouquecer não se apaixone

Gostaria de compartilhar o filme que assisti essa semana, a versão original chama-se It's kind of a funny story (Se casar não se apaixone). O filme não tem nada de espiritual, mas a história é bem interessante, pois mostra como muitos jovens têm sofrido com depressão e pensamentos de suicídio, o protagonista, Craig, pensa em se matar, mas acaba pedindo ajuda em uma clínica psiquiátrica, pois achava a sua vida uma droga, mas lá dentro acaba descobrindo o quanto ele mesmo não não valorizava sua vida lá fora, ele fica cinco dias internado e muda completamente a vida dos pacientes, acaba se apaixonando por uma garota um tanto que desequilibrada.
Recomendo que assistam e incluam na lista de filmes para se assistir com a família ou amigos.

O trailler não tem legenda, mas isso não é problema se você, amigo leitor, sabe falar inglês, rsrsrs mas confira!!


Na fé...
Pr. Gustavo

sábado, 27 de agosto de 2011

Fazer o que é momentaneamente prazeroso e eternamento lamentável ou o que é correto e ser feliz e eternamente recompensado


Está em espanhol, mas é muito forte, assista e decida o que fazer, o que é momentaneamente prazeroso e eternamente lamentável ou o que é correto e ser feliz e eternamente recompensado!





Na fé...
Pr. Gustavo

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

De ex traficante e prostituta a uma mulher transformada

Talvez você tenha acompanhado esse testemunho, é um pouco longo, mas é muito forte. Hoje ela pode dizer o que é ter Paz.



Na fé...
Pr. Gustavo

domingo, 7 de agosto de 2011

Pra Deus não importa o seu título.




Estamos tão acostumados em chegar à Igreja, sentar no banco e ouvir o que o homem de Deus tem pra passar, que muitas vezes pensamos que ele é a única pessoa capaz de ser usada pelo Espírito Santo para nos falar, mas infelizmente erramos ao pensar dessa maneira, nós obreiros, até mesmo pastores nunca olhamos para  os nossos companheiros e vemos alí condição de Deus falar conosco, muitas vezes pelo fato da pessoa estar no mesmo "nível" que a gente - que na verdade para Deus não importa quem somos ou deixamos de ser, pra Ele não faz a mínima diferença se temos um uniforme ou não, se temos um título ou não, Ele nos olha da mesma forma que nos olhou quando derramou o Seu espírito, sem título, sem uniforme, nem "nada" - e acabamos deixando os conselhos dos nossos companheiros de lado, eu me recordo de um obreiro amigo meu, que antes de ir para o altar, aconteceu um caso com ele e eu fui tentar conversar com ele, mas infelizmente ele não quis me ouvir, simplesmente disse para eu ficar quieto que eu não sabia o que eu estava falando, aquilo me deixou chateado, pois como é que antes de sermos obreiros, eu já dava algumas orientações, ele me ouvia mesmo antes de eu ter um título e agora que os dois são obreiros ele não quer saber? 
Nós temos que cuidar nesse lado, quando penso que sei alguma coisa Deus sempre cria uma situação para me fazer ver que na verdade não sei de nada, um exemplo bem claro é quando eu era obreiro, fiquei um ano e uma semana como obreiro antes de estar como pastor atualmente, eu até dou risadas ao lembrar, acho que pelo fato de pensar que eu queria servir a Deus no altar, estar sempre ali na guerra, era líder do Força Jovem na minha cidade, fazia reuniões com os jovens (e eu pensava que estava com tudo, que fazia alguma coisa mais que os outros rsrsrs) então eu achava que sabia alguma coisa, quando entrei na obra, foi na primeira semana, aliás foi no primeiro dia, foi como um choque pra mim admitir "Eu não sei nem 10% do que é realmente a obra de Deus" aquilo me quebrou e me fez enxergar o quanto eu teria que aprender, nem trabalhar numa reunião de uma catedral eu sabia direito, e olha que a sede que eu frequentava como obreiro tinha 97 obreiros e capacidade para mais de mil pessoas! Eu olhava os outros auxiliares que ali estavam e via que eu não sabia nada, mas sabe o que é nada? nada mesmo!
Porque para o Espírito Santo não importa o que você é ou o que deixou de ser, quando Ele te batizou você não era nada, não tinha nada, nem uniforme de obreiro você tinha, tinha apenas a sede insaciável de conhecê-lo, por isso eu digo que a pessoa não deve se prender em um uniforme, pois quando ela recebeu o Espírito Santo ela não era nada, e para Deus você tece tudo que Ele queria ver para derramar o Espírito Santo, e agora porque tem um título acha que sabe de alguma coisa! Infelizes são essas pessoas, eu posso garantir.
Nós que estamos sempre envolvidos com jovens no trabalho da Igreja vemos o quanto eles se espelham em nós, querem ser como a gente, querem ter o Espírito que a gente tem, por isso uma atitude pode ganhar ou perder a alma desse jovem, e não pense você que quando você conversa com um jovem é você que está ensinando, na verdade está aprendendo com ele, quantas não foram as vezes em que eu me deparei com uma pergunta de um jovem que eu nunca tinha passado por aquela situação, e acabei aconselhando na fé? Como eu poderia garantir para àquele jovem que daria certo? eu CRI, e foi pela fé e quando percebi, esse jovem acabou me ensinando como deve agir uma pessoa que é nascida de Deus diante de uma situação complicada.
Porque quando damos para os outros, na verdade quem recebe somos nós! Incrível não acha? Por isso eu amo essa obra de Deus, e oro para nunca essa chama se apagar, aliás, que esse perfume venha se apagar, temos que espalhar, lembra daquela música? "Perfume Universal"? pois é bem assim mesmo


"Vós não me escolhestes a mim mas eu vos escolhi a vós, e vos designei, para que vades e deis frutos, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda." - João 15:16


Na fé...
Pr. Gustavo

sábado, 11 de junho de 2011

Seja a tua palavra sim, sim; não não!


Muitas são as pessoas que  são indefinidas, eu digo isso porque na obra é muito comum encontrar pessoas que decidem entrar, mas com o passar do tempo dizem que não era bem isso que eles queriam, e alguns depois voltam arrependidos dizendo que havia feito a escolha errada e quer voltar. A Palavra de Deus é bem clara nesse aspecto e não deixa nenhuma sombra de dúvidas a respeito da pessoa ser definida, as nossas decisões não podem variar. Se decidimos algo, temos que sustentar até o fim, uma pessoa indefinida não chega a lugar algum.
Em Mateus 5.37 diz o seguinte: “Mas seja o vosso falar: Sim, sim; Não, não;…” com outras palavra, o que dizemos “sim” hoje deve permenecer “sim” amanhã e sempre e o que dizemos “não” hoje deve permanecer “não” amanhã, não só na obra encontramos isso, mas a pessoa que não se decide em que curso deve se especializar, uma hora ele começa em uma área depois muda de opinião, dizem que não era bem aquilo que ela queria, outra talvez até conclui, mas quando vai trabalhar na área, muda de opinião. Não podemos mudar nossa palavra, se você disse sim para o Senhor Jesus, agora deve sustentar essa decisão até o fim, porque ninguém lhe obrigou coisa alguma, se você disse sim para fazer a obra de Deus, deve seguir com essa decisão até o fim sem mudar para o não.
Uma pessoa indecisa, indefinida, não é nascida de Deus nem muito menos liberta, pois o mesmo versículo ainda conclui: “…pois tudo o que passa disto, vem do maligno.” Por isso, se você está em cima do muro, saiba que você não está tendo a direção de Deus, sustente a sua palavra e faça-a ser de honra.
Quem é de Deus é decidido, defina sua fé, não existe cristão inconstante, você deve ser constante, criança age assim, quer brincar, logo quer comer, depois já não quer mais comida, quer uma bicicleta, mas quando vê outra criança com patinete já larga a bicicleta, ou seja não é definida e por isso nunca está satisfeita, talvez seja a hora de crescer e perceber que com Deus não há indefinição, ou é sim, sim; ou não, não!
Na fé…
Pr. Gustavo 

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Cuidando da vida sentimental


  Com esse pouco tempo que estou no altar pude perceber só depois que peguei minha primeira Igreja, quantas pessoas estão mal na vida sentimental, como o caso de uma senhora que veio conversar comigo, seu marido já estava há quatro anos com uma amante e isso fazia ela sofrer cada vez mais e pior ainda, ela não conseguia sua libertação, muitos vêm me procurar para saber o que fazer da sua vida sentimental, mas por que o diabo age tanto nessa área?
   Ora todos sabemos que a família é a base, e se alguém de dentro de casa estiver mal acaba atingindo à maioria, e o diabo sabe disso e usa isso a favor dele, pode prestar atenção, a maioria das pessoas que procuram aos encostos é para resolver sua situação amorosa, mas o que fazer para evitar esse transtorno?
   É simples analisar, você deve tomar cuidado no namoro, quem é de Deus pensa no futuro, porque sabe que está em jogo toda uma vida, se a pessoa tem uma vida com Deus não há motivos para ansiedade, porque Deus está dirigindo, mas a pessoa deve ficar alerta, por isso é preciso cuidar com sentimentos, muitas moças se iludem pelo fato do rapaz ter uma boa aparência, diz palavras bonitas, enche de presentes, chocolates, flores etc, qual a moça que não gosta dessas coisas? Então por ela ter pedido a Deus uma pessoa, o diabo vem com uma sujestão que aparentemente é certa, às vezes é da Igreja, é um obreiro até mesmo um pastor e faz essa pessoa se encantar e quando Deus for alertá-la ela já não vai conseguir discernir, pois Deus não fala no sentimento e sim na fé, e acontece a desgraça.
Primeiro: Veja se você está em condições para começar um relacionamento, todos querem ser felizes, mas não se preocupam em ter o autor da felicidade, porque se a pessoa já não é feliz sozinha quem disse que vai ser com alguém? e a pessoa de Deus não pensa em si mesmo, não quer que alguém a faça feliz, e sim fazer alguém feliz e a felicidade em troca vem consequentemente, pois que tem Jesus não tem solidão, por isso sabem esperar em Deus, portanto aprenda separar o que é necessidade e prioridade, qual é a necessidade? ser feliz na vida sentimental é óbvil, mas qual é a prioridade? a Salvação! Você só pode ter um relacionamento feliz quando você está feliz em si mesmo. Indivíduos com problemas não fazem relacionamentos felizes. Você está realmente pronto para um relacionamento? Você precisa consertar sua vida antes de tentar ter sucesso com outra pessoa.
Segundo: Veja se há compatibilidade nesse futuro relacionamento, muitas pessoas ficam frustradas após o casamento, sim o casamento, pois se você está em um relacionamento e não pensa no futuro, esse relacionamento não está sendo da direção de Deus, veja se as intenções são as mesmas, se as ambições são as mesmas, por exemplo: se você deseja servir a Deus no altar não perca tempo com alguém que quer crescer financeiramente, ter uma carreira, como vai dar certo se você quer renunciar tudo, largar tudo, e a outra pessoa quer conquistar? não vai dar certo, agora se você ama alguém que não tem os mesmos aspectos, isso eu me refiro objetivos, esqueça essa pessoa, por mais difícil que seja, pois eu sei muito bem o que é passar por isso, mas eu posso assegurar você que é possível!
Terceiro: Não tome decisões baseadas nas emoções, não dá pra você começar um relacionamento na base do coração, pois assim você não pensa, você só sente, muitos olham assim de longe e acha que a outra pessoa já tem todas as características que uma pessoa deve ter, porque ela quer muito um relacionamento e acaba tomando decisões baseadas nas emoções, você ama porque você tem uma razão para amar, amor não tem nada a ver com romantismo.
São esses detalhes que você deve avaliar para começar um novo relacionamento, mas e se a pessoa já é casada ou já namora?
Outra grande dificuldade é mudar a situação, mas se você quer consertar seu casamento ou seu namoro e pensa só na mudança do seu parceiro você está agindo errado, se a pessoa quer que a outra mude é porque as feridas do coração dela estão abertas e não quer mais se machucar, muitos querem mudar o casamento, mas esquecem que estão incluídas nesse matrimônio, você não deve querer apenas que a outra pessoa mude, aliás você deve mudar, pedir a Deus a mudança do seu coração, pedir a Deus mudar você para que você não aja mais pela emoção, emoção não resolve problemas, pelo contrário, cria mais problemas, portanto cuide da sua vida, porque o que está em jogo é sua salvação, não troque a sua eternidade por alguém, por um sentimento, porque tudo aqui na terra é transitório e a sua alma é eterna, o que você precisa é da direção de Deus, se você quer ser feliz, não saia com a primeira pessoa que diz que vai te proporcionar felicidade, busque o autor dessa felicidade, tenha primeiro Jesus como o seu Grande Amor, eu digo pra você que vale a pena!
Na fé...
Pr. Gustavo
Fonte: Quem vive em mim

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Deus quer te usar



Jacó… Foi trapaceiro;

Lia… Era feia;

José… Era um sonhador;

Moisés… Tinha um problema de gagueira;

Raabe… Era uma prostituta;

Davi… Foi um assassino;
Salomão… Foi mulherengo;
Isaias… Tinha lábios impuros;

Jeremias… Era muito jovem;

Elias… Teve medo;

Jonas… Fugiu de Deus;

Noemi… Era uma viúva;

Pedro… Era emotivo e negou a Cristo;

Marta… Preocupava-se demais com as coisas;

Tomé… Duvidava de tudo;
Zaqueu… Era usurpador;
Paulo… Era religioso demais;
Timóteo… Tinha uma úlcera;
Lázaro… Estava morto!
AGORA NÃO TEM MAIS DESCULPAS!!!






Deus usou todos esses com seus defeitos e agora conta contigo mesmo sabendo das tuas fraquezas!

Ele quer usar você com todo o seu potencial!
Fonte: Diogo Max

segunda-feira, 25 de abril de 2011

A moda Evangélica




Sabemos o quanto é difícil seguir o Senhor Jesus nos dias atuais, nem tanto pelos preconceitos da parte das pessoas, de certa forma hoje em dia ser evangélico virou moda, eu me refiro à dificuldade que existe devido a vários caminhos diabólicos fantasiados de luz, hoje em dia existem várias opções de Igrejas evangélicas para todo o tipo de pessoa, seja tradicional, liberal, negros até para homossexuais, surfistas, enfim, usam como fundo o nome do Senhor Jesus, mas na verdade não estão preocupados em levá-los à salvação, não estou dizendo aqui que existe uma Igreja modelo, uma única igreja cujos membros são os únicos que serão salvos.

Gretchen diz que é evangélica há 13 anos

O diabo tem enganado tantas pessoas nessas opções, e se não tomar cuidado de não terem a direção de Deus, a pessoa acaba caindo, pois a pessoa que não tem o Espírito Santo fica buscando um lugar que se sinta bem e que seja agradada, pois é vazia e só tem a si mesma, não existe dento dela um interesse de agradar a Deus, mesmo que isso venha ser contra a própria vontade.

Deus nunca mudou, quem mudou foram as pessoas, elas têm feito religiões, igrejas do jeito delas, isso me lembra da passagem na Bíblia que o povo do Egito quando estavam no deserto e Moisés demorou a descer do monte e eles mesmos criaram um bezerro de ouro do jeito que eles queriam e o adoraram, e eu me pergunto: Qual a diferença? Hoje é o que as pessoas estão fazendo e já vem fazendo um bom tempo simplesmente abrem ministérios igrejas querem na verdade status, hoje é fácil, qualquer um que se sente ofendido ou algo do tipo, simplesmente abrem Igrejas, muitas acabam fechando, e o povo? tem se tornado marionetes nas mãos do diabo, como ele sabe que hoje em dia não é ridículo ser "crente" usa igrejas para desviar a pessoa dos caminhos de Deus fazendo elas pensarem que estão salvas, na verdade enganadas! o diabo não se assusta quando ouve "sangue de Jesus tem poder", "Jesus eu te amo" se a alma dessas pessoas estão nas mãos dele, pode dizer o que quiser. Sair da Igreja, mudar de denominação é perca de tempo não resolve nenhum probema, pois o problema está dentro da pessoa e aonde quer que ela vá o problema a segue, o que eu quero que você entenda que o que está em risco é sua salvação, é sua alma, dou Graças a Deus por conhecer Jesus através da Igreja Universal do Reino de Deus há 13 anos, nunca precisei buscar vinho em outro lugar, nunca precisei fazer estudo bíblico em outra Igreja, por isso que as pessoas ficam loucas e o pior envergonhando o nome de Jesus "Porque a letra mata e o espírito vivifica." (2Co 3:6).
E é nisso que o diabo tem ganhado muitas almas iludindo as pessoas fazendo elas pensarem que estão agradando a Deus, infelizmente estão perdidas.

Igreja Onde Jesus é o Cabeça

Na fé...

Pr. Gustavo






terça-feira, 19 de abril de 2011

Os dois tipos de paz


Quando o Senhor Jesus estava preparando os Seus discípulos para a missão, embora enfrentando toda a sorte de perseguições e problemas, ainda assim, teve capacidade de manter a serenidade e passar a Sua paz para eles, quando disse: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.” (João 14.27).
Ora, nessas palavras podemos perceber claramente os dois tipos de paz que existem: a paz que vem do Senhor e a que vem do mundo. A primeira atinge o íntimo do homem, enquanto a paz que vem do mundo alcança apenas o nosso exterior.
É interessante observar que tudo o que atinge o nosso interior é durável e permanente, pois cria dentro de nós um mundo totalmente particular e independente. Isso é maravilhoso, porque não ficamos na dependência de terceiros para que possamos atingir, no caso, a paz real.
No entanto, ao sermos atingidos no nosso exterior, ou seja, quando as coisas são apenas superficiais, não há consistência, como é o caso da paz que este mundo oferece. Esta paz está subordinada ao semelhante que, por conseguinte, também está na dependência de outrem...
Com Jesus mesmo em meio à guerra temos paz, pense nisso
Na fé...
Pr. Gustavo

sábado, 19 de março de 2011

Ah, que dia!!!

Ah! Que dia!
Ninguém, na realização de um grande sonho ou na busca por uma conquista material, seja ela qual for, pode dizer, nas entrelinhas: “Ah, que dia!” Mas, no dia em que essa pessoa for possuída pelo Espírito Santo, aí sim ela poderá dizer: “Ah, que dia!”
Porque o Espírito Santo está acima de qualquer realização de sonhos, e acima de qualquer bênção material, qualquer que seja!
Porque esse momento é tão especial, glorioso e maravilhoso que nada se compara ao que o ser humano recebe neste dia!
É claro que, para que esse dia aconteça, tem que haver uma entrega. E isso requer sacrifício.
O que é mais fácil, a conquista, a realização de um sonho pessoal ou a conquista espiritual? É claro que é a conquista material!
Se para conquistar o que é material, que é mais difícil, a pessoa faz o sacrifício que faz, imagine para conquista o espiritual, que é mais difícil?
Em se tratando de bens materiais, se sacrifica, não para a mudança de vida. Imagine o sacrifício a ser feito para uma mudança de vida. Pois é o que acontece quando a pessoa é possuída pelo Espírito Santo.
A partir desse dia, ninguém vai lhe perguntar: “Onde está o seu Deus?” porque Ele será visto em você! Nem sempre mostramos Deus através de uma conquista ou de um milagre, mas Deus é sempre visto na vida transformada dos possuídos pelo Espírito Santo.
Na fé...
Pr. Gustavo

quinta-feira, 17 de março de 2011

Obras e Frutos



"As minhas obras mostram o que eu faço, mas meus frutos mostram o que sou."

"Conheço as tuas obras, tanto o teu labor como a tua perseverança, e que não podes suportar a homens maus, e que puseste à prova os que a si mesmo se declaram apóstolos e nao são, e os achaste mentirosos; e tens perseverança, e  suportaste provas por causa do meu nome, e não te deixaste esmorecer. Tenho, porém contra ti que abandonaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te e volta à prática das primeiras obras;" (Ap 2.2-5)

Acredito que alguma vez você já leu ou ouviu essa passagem da Bíblia, talvez voce é uma pessoa que é um membro assíduo, mas ainda não nasceu de novo, talvez você é firme, não anda em pecado, não suporta a injustiça, mas do que adianta tudo isso se você sabe que perdeu o primeiro amor? Lembra quando você buscou a presença de Deus pela primeira vez? Lembra da felicidade que só você sabe que sentiu em seu interior e foi mais que uma emoção? suas atitudes mudaram, você tinha prazer de falar de Jesus que tirou sua dor, preencheu seu vazio, mas talvez hoje já não é mais a mesma coisa, o tempo foi passando, você estava tão perto de ser batizado com o Espírito Santo, mas foi se apagando até não dar mais tanta importância.
O que você precisa entender é que suas obras, embora sejam importantes, só mostram o que você faz, mas seus frutos vão dizer quem você verdadeiramente é. Uma pessoa que tem sua fé atingida, perde o prazer de buscar a presença de Deus e por estar com a fé atingida, já não brilha mais a luz de Deus em sua vida, e ela se sente vazia.
Quantas não são as pessoas que são vazias? A solidão não escolhe classe você sabia? vou dar um exemplo prático. O pobre pensa que se tiver o que o rico possui, seu vazio, suas preocupações terão fim, mas já o rico daria tudo que tem se conseguisse achar uma forma para preencher seu vazio, se a pessoa é solteira ela acredita que se conseguir uma pessoa para viver com ela sua solidão terá fim, daí ela se junta com uma pessoa e percebe que o vazio continua, então ela fica em busca de mais outras pessoas, e é aí que o diabo vem com suas armas, ele tem o mundo a seu favor, em busca de preencher esse "vazio" elas vão atrás de festas, drogas, roubo, prostituição e tudo mais que vemos, seria tão simples elas se chegarem até Deus, pois é o que precisam e quando chegam se perguntam por que não acharam antes, pois estava tão perto dela!
O Senhor Jesus é quem deve ser nosso amor primeiro.
Na fé...
Pr. Gustavo

Escolhido


"Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto pedirdes ao pai em meu nome, ele vo-lo conceda." (João 15.16)

Quando Deus te escolheu, o objetivo dele era que você se tornasse servo dEle, mesmo quando você nem ainda tinha nascido, Deus te escolheu, e quando você ainda estava nas garras do diabo, lá Deus já estava te preparando, e quando você chegou até a presença de dEle, então Ele se alegrou, porque a partir daquele momento Seus planos poderiam começar a se concretizar em sua vida, mas para que esses planos pudessem se tornar reais, precisaria da sua participação, e é aí que Ele tem percebido que você já não está mais tão na fé como antes, como deveria estar, o que Deus quis de você quando te escolheu, era para que você desse frutos, e esses frutos é a pessoa que produz, não Deus, mas o fruto não vem antes da semente dela.
A comunhão com Deus é sustentada através de uma interação de ambos, se Deus te escolheu, Ele sabe que você tem as condições necessárias, as vezes você até pensa que não as possui, isso porque você não conhece, na verdade não usa o que precisa, a sua fé.
Quando Deus escolhe há o desejo da parte dEle de engrandecer Seu nome na vida do escolhido, Deus não escolheu Salomão só porque era filho de Davi, porque Deus sabia que sua fé ia além de suas condições, Salomão foi rico não porque tinha a herança de Davi, pois tudo que Davi possuía ele deu para a construção do templo da Glória de Deus. "E ainda porque amo a casa de meu Deus, o ouro e a prata particulares que tenho dou para a casa do meu Deus, afora tudo quanto preparei para o santuário." (1Cr 29.3). Salomão foi o que foi porque chamou atenção de Deus com seu sacrifício.
Não fomos nós que escolhemos a Deus, Ele antes nos escolheu primeiro, e como escolheu Salomão para filho, Ele te escolhe também! "Teu filho Salomão é quem edificará a minha casa e os meus átrios, porque o escolhi para filho e eu lhe serei por pai." (1Cr 28.6)
Na fé...
Pr. Gustavo

sábado, 12 de março de 2011

Lembranças


Lembrar das primeiras responsabilidades na igreja, e ver o empenho por cada uma delas,
lembrar da primeira bronca, da primeira vez que chorou por isso,
lembrar das perseguições sofridas em cada empenho na obra de Deus,
lembrar do dia em que foi batizado nas águas, da alegria e o que sentiu no seu encontro com Deus,
lembrar da primeira evangelização, e da reunião em que foi batizado com o Espírito Santo,
lembrar no momento em que foi levantado a obreiro, a alegria e responsabilidade que tinha,
lembrar do momento em que pegou o primeiro demônio ou que libertou a primeira pessoa,
lembrar da primeira santa ceia que participou, e da primeira santa ceia que serviu,
lembrar das madrugadas acordadas fazendo a obra de Deus, e das madrugadas de orações e buscas,
lembrar também das leituras da Bíblia na hora do almoço no trabalho ou no intervalo na escola, e daquele louvor que mexia com seu coração e o fazia sentir a presença de Deus,
lembrar das vigílias que você ia, do jejum que por aquela alma você fez,
lembrar dos momentos que você falava com alegria “Deus é comigo!”...mesmo que chorando por dentro devido as imensas dificuldades e olhar para a primeira fogueira santa que participou,
lembrar dos momentos que foi a rua vender algo para cumprir seu voto, (adesivos kkkk)
lembrar de quando limpava a igreja, e principalmente o banheiro da igreja,
lembrar daquele dia que chegou na igreja sobrecarregado de problemas e quando o pastor o chamou na frente para orar pelo povo você voltou aliviado,
lembrar da primeira vigília que foi,
lembrar de tudo que te fez chegar aqui hoje... e foi tudo isso que te fez ter a experiência que tem hoje."
Esse é apenas um trecho das coisas que já vivemos com Jesus...quando lembro dessas coisas consigo perceber o carinho de Deus para com aqueles que o amam de fato e de verdade.
Creio que assim como eu você já viveu praticamente todos os momentos descritos acima, e de todo o coração digo que foram os momentos mais importantes da minha vida e com certeza muito felizes, mesmo que com algumas dificuldades. Eu não os trocaria por nada nesse mundo.
,... lembranças de conquistas espirituais, ou melhor, de experiências com Deus que nos faz ir em frente e lutar para alcançar o mais importante... a nossa salvação!.
Todas as vezes que bater o desânimo e o cansaço lembre-se de tudo o que você passou para chegar até aqui. Deus ainda conta contigo para muitas coisas, Ele ainda quer realizar muitas maravilhas através da sua vida.

O cansaço vem até para os jovens

"Os jovens se cansam e se fatigam os moços de exaustos caem." (Is 40.30)

Todos passam por momentos em sua vida que parece que nada está acontecendo, trabalham duro com poucas realizações, todos os dias parecem ser iguais, o alcance está simplesmente tão longe quanto sempre esteve.
Fica cansativo trabalhar tão duro e estar tão comprometido e não ver fruto nenhum. Até mesmo os jovens ficam cansados e fatigados, tão cansados que podem tropeçar e cair, mas vem do Senhor a esperança para as pessoas cansadas. Ele encoraja você a confiar nele e promete dar a você uma nova força - não apenas a habilidade para sobreviver por mais um dia, mas força nova ue vai levantar você e fazer você voar.
Esta é a diferença em sobreviver amanhã e voar sobre o dia com a força e a presença de uma águia, você não tem que descobrir como ser uma águia, isso é um presente de Deus para aqueles que confiam nEle e o chamam nos dias em que a vida parece levar para lugar nenhum.
"Mas os que esperam no Senhor renovarão suas forças, sobem com asas como águias, correm, e não se cansam, caminham, e não se fatigam." (Is 40.31)
Na fé...
Pr. Gustavo

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Filhos da Luz




   A pessoa a partir do momento em que ela se entrega para Deus, se inicia o processo para ela nascer de novo e morrer para o mundo, ela precisa saber que sua vida e seus desejos pessoais não são mais primordiais. A pior coisa que pode acontecer para quem decidiu seguir o mestre é deixar a sensibilidade do pecado se perder. "Tendo se tornado insensíveis entregando-se à dissolução para, com avidez, cometem toda sorte de impureza." (Ef 4:19)
   Quando decidimos ser filhos da luz, temos que tomar cuidado com as ilusões deste mundo, a Bíblia é bem clara quando ensina como devemos fazer para nascer de Deus.
   Sabemos que não é nada fácil, mas Deus não dá coisa alguma, ou condição que não possamos cumprir. Nossa salvação é tão preciosa, que nos mínimos detalhes temos que vigiar. "Pois o que fazem em oculto, até dizê-lo é vergonhoso. Mas todas as coisas manifestadas pela luz tornam-se visíveis, pois é a luz quem manifesta." (Ef 5:12-13)
  Essa é a causa de muitos acharem que Deus não está olhando o que fazem, a verdade é, sua obra só será manifesta quando ela for feita sob a luz de Deus, deixando de lado o que se faz em oculto. Tudo que está em oculto está na escuridão e o que está na escuridão não é de Deus.
Na fé...
Pr. Gustavo

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Junto às águas


"Porque ele é como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e, no ano de sequidão, não se perturba, nem deixa de dar fruto." (Jr 17:8)

'Tá muito difícil essa situação, não sei se serei forte o bastante para vencer.'  Talvez você já pensou alguma vez dessa forma, mas por que você duvidou? simples porque não estava com a sua confiança depositada em Deus, quando se confia em Deus, existe uma entrega, porque você confia e não se preocupa com o que está acontecendo à sua volta, pelo contrário, produz fruto, os problemas vêm para todas as pessoas, mas se ela está "plantada juntas às águas" não receia de absolutamente nada.
Talvez a sua situação pareça a mais difícil, mas nada está perdido, em Jó está escrito que mesmo se a árvore está caída, sua raíz está seca, seu tronco cortado, ainda assim há esperança para aquela árvore, ao cheiro das águas ela se renovará e não cessarão os seus frutos.
O que não pode acontecer é que você se deixe levar pelo que você está vendo ou ouvindo, tudo que nós vemos e ouvimos produz um sentimento e Deus para dar o que precisamos, Ele primeiro esquadrinha o nosso coração, prova os pensamentos para dar cada um segundo os frutos das nossas ações.
Quais têm sido os frutos de suas ações? Tudo depende de sua atitude,tudo depende de sua entrega.

"Eu, o SENHOR, esquadrinho o coração, eu provo os pensamentos; e isto para dar a cada um segundo o seu proceder, segundo o fruto das suas ações." (Jr 17:10)
Na fé...
Pr. Gustavo (:

domingo, 30 de janeiro de 2011

Servir

video

Vídeo extraído do Blog Flores no céu

Aliança com Deus - parte II

Uma Aliança perfeita com Deus requer sacrifício!
O sacrifício é o sinal mais significativo da aliança com Deus. O Senhor Jesus ensina isso figuradamente, em outras palavras quando diz: "Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me." (Mc 8.33) nesse versículo podemos verificar três sacrifícios, que eu posso dizer que são os mais importantes do qualquer oferta que você coloca no altar, não é fácil negar a si mesmo; carregar a sua própria cruz; e seguir Jesus de perto, ou seja, dar ouvidos à voz de sua palavra, um exemplo que podemos citar a respeito de uma aliança pós sacrifício é de Moisés.
Quando Moisés subiu até o monte Sinai, alí ele teve um encontro com Deus, depois que houve um sacrifício Deus passou a ter essa aliança com Moisés e tudo que ele fizesse ele tinha 100% de garantia e 0% de possibilidade de falhar, ele ouvia direto de Deus então não tinha como dar errado, quem vive em sacrifício, vive em aliança com Deus, sem sacrifício, a fé trata apenas de tradições, dogmas religiosos e obrigações. Deus criou o ser humano com o propósito de estabelecer parceria, dependência de Deus por meio da fé é o que torna possível o perfeito pacto, não há aliança com Deus sem o sinal físico da manifestação da fé, assim como não há casamento sem o sinal físico da manifestação do amor - sacrifício dos noivos.
O pacto com Deus exige a materialização da fé por meio da oferta de sacrifício. Não é só o dinheiro no altar, mas sobretudo, a própria vida dedicada à obediência ao Senhor a cada dia. Sem atitude de obediência à sua palavra, não há pacto com Ele. O diabo sabe que quando o ser humano quer alguma coisa, ele vai tentar conseguir de qualquer maneira, custe o que custar, por isso ele entra em ação, sugerindo na mente do homem o desestimulo através das dúvidas. E é justamente aí que o ser humano se torna fraco e incapaz de conquistar as suas vitórias. Porém, quando o homem toma conhecimento de que tudo pode porque tem um Aliado, então tudo se torna possível para ele.
A maior dificuldade para uma pessoa conquistar a vitória está nela mesma: quando se julga incapaz. E, ainda que não confesse essa fraqueza positivamente, a partir do instante em que se julga incapaz, passa a ser incapaz é por esta razão que o Senhor dá esse conselho: "...diga o fraco: Eu sou forte!" (Joel 3.10).
Na fé...
Pr. Gustavo

Aliança com Deus - parte I


Quando vemos a palavra ALIANÇA, é inevitável lembrar daquele adorno que casais usam em seus dedos mostrando sinal de sua união, o ser humano nunca está sozinho, sempre está em aliança com algo ou alguém e certamente quando uma aliança é realizada com a participação do ser humano, jamais pode ser feita envolvendo apenas palavras, porque assim como as palavras são fáceis de ser pronunciadas também são fáceis de não ser cumpridas.
O pacto com Deus ou a aliança de amor é feita nos moldes de um casamento, não como nos casamentos programados para o divórcio, como temos visto ultimamente, mas no casamento do tipo de Abrão e Sara, onde a fidelidade prevaleceu até a morte.
Nós temos que ter em mente que a melhor e maior parceria que podemos fazer é aquela feita com Deus, pois os homens são vulneráveis a falhar e não existe parceria com homem que nos garanta 100% sem perdas, encontramos muitos exemplos de casos que se prejudicaram após uma aliança com alguma empresa ou alguém. Para se ter uma aliança com Deus é preciso uma entrega, é como no casamento, antes dos noivos se casar, ainda não conhecem de verdade os defeitos de cada um, e não importam as dificuldades que os noivos terão que enfrentar, porque a força do amor entre eles é capaz de superar obstáculos, muitos não dão certo porque não foram feitos da maneira certa desde o início, pois como algo que começa errado pode terminar certo? e como uma coisa começando certo pode terminar errado?
Os benefícios de uma aliança com o próprio Deus são inúmeros, a aliança que Deus faz é inviolável, Ele jamais decepciona ninguém e o que Ele diz cumpre.
Quando alguém tem essa aliança ela passa a vencer tudo e todos, nem a morte a vence, pois ela tem a garantia da vida eterna, Deus é o mais interessado, mas desde a antiguidade a Bíblia nos mostra a participação do homem e Deus, Ele não realiza nada sozinho, embora tenha poder para isso, mas é preciso partir a iniciativa da outra pessoa e não pense você só porque é jovem que não precisa, pois eu te digo que você é o que mais precisa, sua vida, TUDO depende da sua entrega.
"Mas eu me lembrarei da aliança que fiz contigo nos dias da tua mocidade e estabelecerei contigo uma aliança eterna." (Ez 16:60)

domingo, 23 de janeiro de 2011

Esperar em Deus


Existe uma área da nossa vida que uma hora querendo ou não teremos que nos preocupar, eu digo preocupar não querendo dizer que devemos fazer as coisas da nossa maneira, ainda mais quando servimos o Senhor Jesus, não são poucos os casos que a gente pessoas que se arruinaram depois que começaram um relacionamento com uma outra pessoa, não é errado, o namoro é uma fase todos já passaram e um dia irão passar, nós sabemos que o mundo não está nem um pouco preocupado com essa área, principalmente na vida dos jovens, aconselham da maneira mais errada de como manter um relacionamento.
Para quem é de Deus, sabe que esse momento é bastante delicado, pois envolve muito sentimentos por mais que seja de Deus, e se a pessoa não estiver bem espiritualmente a carne vai falar mais forte e lá na frente ela vai cair e vai causar uma decepção enorme.
Mas o que se deve fazer? Você é jovem ainda, dedique seu tempo para Deus, faça esse teste, quanto mais você se envolve com as coisas de Deus, mais Ele vai se envolver com as suas, Ele conhece teu coração, Ele pode te dar a pessoa mais certa pra você.
Nunca se esqueça que o que está em jogo é sua salvação, priorize sua salvação, sua comunhão com Deus, se você tem dívida se é a pessoa certa, então já está provado que não é, pois se fosse algo de Deus você teria certeza, Deus não fala com a dúvida, se preocupe em fazer a vontade de Deus, você vai encontrar a pessoa correta segundo a direção de Deus, não se preocupe, eu já me prejudiquei com isso e te digo que não foi nada fácil superar, pode parecer mínimo, mas só a gente sabe a dor que sentimos, o calo dói no seu pé e quando dói é a pior dor do mundo porque é a que você está sentindo.
Todos sabem que não é fácil e se a pessoa não cuidar ela vai se enganar, mesmo sendo batizada com o Espírito Santo, o diabo sabe quais são nossas fraquezas, se você estiver ansioso ele vai aparecer com uma pessoa que aparentemente é a pessoa certa, mas não passa de uma armadilha do diabo, ela por estar ansiosa e vê aquela pessoa pensa que é Deus, pois ela orou a Deus e o diabo ouviu sua oração e sabe o que você quer e quando passa um tempo, você se depara com a maior burrada de sua vida, Deus tentou falar, mas a questão é que Ele fala ao nosso espírito e você está envolvido(a) demais com esse sentimento que não percebe a voz de Deus, não é fácil eu sei, mas se você não tem fé para esperar em Deus, não se preocupa, pois o diabo vai se encarregar em trazer alguém para fazer você cair lá na frente só isso! Não estou aqui com o objetivo de te assustar, mas de abrir seus olhos, vida sentimental é muito delicada e se não for acompanhada por Deus é a pior desgraça, já percebeu que tudo que envolve sentimento é uma desgraça? Pois é por isso o seu foco não pode ser outro a não ser a sua salvação.
Na fé...
Pr. Gustavo

domingo, 16 de janeiro de 2011

Está faltando vinho? Chame Jesus.

O primeiro milagre do Senhor Jesus que a Bíblia cita foi num casamento que Jesus era um convidado, e durante a festa, como de comum, todos já haviam se fartado e faltando vinho veio sua mãe lhe dizer, mas Jesus nada fez, pois ainda não havia chegado a sua hora.
Alí havia seis talhas que seriam usadas para as purificações dos judeus, Jesus ordenou que enchesse todas com água até em cima, feito isso, disse para levar até o mestre-sala, quando ele bebeu da água, que já tinha se transformado em vinho, disse ao noivo que geralmente deixa o pior vinho para o final, mas naquele caso o melhor tinha ficado, ele não sabia de onde vinha aquele vinho.
Veja que o Senhor Jesus não orou para a água se transformar em vinho, e os serventes em nenhum momento duvidaram da palavra de Jesus, mesmo nunca ter visto milagre algum.
E assim é na nossa vida, muitas pessoas têm visto que o vinho já se acabou em sua vida, pessoas que conhecem a Jesus, talvez até são servas de Jesus, e não vêem o vinho, talvez já se acabou há muito tempo, mas o que fazer para mudar? Primeiro de tudo, será que Jesus está na sua vida? ele estava como convidado naquele casamento, se Ele não estivesse lá, nada teria acontecido, e nós vimos numa postagem recente, O dia em que nasci, que para Jesus derramar seu vinho, não podemos continuar com os odres velhos, não se põe vinho novo em odres velhos e vice-versa, para receber um vinho excelente, tenho que estar com odres novos, coração novo, mente nova, vida nova, e essa vida só Deus pode dar. O que tinham naquele casamento era apenas talhas vazias e água, o suficiente para mostrar o poder de Deus, Jesus não duvidou, veja a responsabilidade ele mandou para o mestre-sala! os serventes também não duvidaram acredito que nem entendendo estavam, mas obedeceram, Jesus transformou o que eles tinham de melhor, água, pois o vinho já havia acabado, ou seja, mesmo com o que você tem Jesus pode e quer te dar algo mais grande, algo melhor que tudo que você possui, depende de você.
Se você está sem saber como fazer faça dessa maneira:
1º - Tenha um novo coração para receber o vinho novo
2º - Creia que Jesus pode fazer, mesmo que aos nossos olhos não haja nenhuma explicação
3º - Dê aquilo que você tem de melhor, dê a única coisa que você tem, seja sincero com Deus, tudo vai depender da sua fé, tudo na sua vida depende da sua entrega, convide o Senhor Jesus para sua vida, ninguém poderá fazer o que somente ele pode.
Na fé...
Pr. Gustavo
[João 2: 1-11; Mateus 9:17]