Páginas

domingo, 12 de dezembro de 2010

Altar - parte II

Ainda falando sobre o altar, tem algo muito forte que eu gostaria de compartilhar com vocês. Em Mateus no capítulo 10, encontramos o Senhor Jesus fazendo as seguintes coisas: Escolhendo os apóstolos, Instruindo os apóstolos, Admoestando os apóstolos, Estimulando os apóstolos, Falando a respeito das dificuldades e por fim da recompensa que eles teriam ao seguir o Senhor Jesus, vamos falar um pouco de cada item que encontramos por aqui.

1º- Qual foi a instrução que o Senhor Jesus deu aos discípulos? A primeira coisa que ele disse: "Não tomeis rumo aos gentios, nem entreis em cidades de samaritanos; mas de preferência, procurai as ovelhas perdidas da casa de Israel;" Não é incomum a gente presenciar Igrejas que ao invés de ir em busca de pessoas que estão sofrendo, vão até às igrejas simplesmente para puxar a pessoa para outra Igreja, não é isso que o Senhor Jesus ensina, podemos ver que até aí já começa errado, por isso o trabalho não cresce, sempre fica aquela coisa amarrada, mesquinha, pobre e de poucas realizações, na verdade por que fazem isso? Porque querem na verdade aparecer, querem fazer as coisas de um jeito mais fácil, não querem fazer a vontade de Deus, pois exige sacrifício, e se for desse jeito nunca vão pra frente.
O senhor Jesus também fala para curar os enfermos, expeli demônios, ele não fala para orar pelos enfermos, pois a pessoa que chega doente na Igreja, na verdade ela já foi curada há mais de dois mil anos atrás quando o Senhor Jesus levou sobre si as enfermidades, ou seja fisicamente não, mas na verdade já foi curada, mas não tomaram posse da cura porque estão aceitando aquela doença, mas tudo depende da fé da pessoa, você determina a cura dela, pronto! se ele creu é "curada" naquela hora mesmo, se não foi ali mesmo então não vai ser depois, pois a fé de já, tudo depende da fé, se creu recebeu se não recebeu é porque não creu e não vai ser depois que vai ser abençoada, pois se ali na hora da fé não foi como que vai ser depois?.
Continuaremos a falar mais sobre esse assunto.
Na fé...
Pr. Gustavo

Nenhum comentário: